terça-feira, 21 de agosto de 2012

além do Porto Inseguro

amarras soltas,
agora segue o barco sem mais rumo
a mercê do humor do tempo
e das correntes...
-nem livre!
-nem perdido!
...só solto,
 desprotegido... nas tumultuosas águas
da iniquidade...

Nenhum comentário:

Postar um comentário