quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

****NOVO JORNAL-6 de Maio de 2010

4 - Novo Jornal / Natal, quinta-feira, 6 de Maio de 2010
OPINIÃO
Artigo- Moura Neto
-editor de Cidades- mouraneto@novojornal.jor.br


Exílio no anonimato
As dunas das praias de Santa Rita e Genipabu, em Extremoz, a 20 quilômetros de Natal, revelam exuberante beleza natural, apreciadas por turistas de todas as partes do Brasil e do mundo. Lá de cima é possivel descortinar uma paisagem na qual lagoa e mar se confundem com o céu azul, entrecortados de coqueiros que se alvoroçam ao sabor da brisa.Neste cenário idílico, que se insurge como um dos mais belos cartões postais do litoral norte, reside e trabalha um artista que deixou o burburinho da cidade grande para se refugiar no anonimato.
  Percival Rorato, 62 anos(67), tapeceiro, artista plástico, diretor de arte e cenógrafo, trocou São Paulo por Natal depois que a mãe morreu, em 1996, seguindo os passos de uma irmã que aqui se fixou. Construiu uma casa nas dunas- numa época em que o Idema não estava de olhos abertos para essa questão-, onde também instalou atelier e bar. Em torno de pinturas e gravuras, num ambiente mobiliado por peças antigas e rústicas, ele fala sem saudades, mas com entusiasmo de uma fase da vida em que esteve no palco de importantes eventos culturais do país.
  Perci trabalhou na televisão, no teatro, e no cinema, onde atuou em 1977 como cenógrafo, figurinista e maquiador no premiado filme 'Sargento Getulio", de Hermano Penna, baseado na obra de João Ubaldo Ribeiro, que esteve semana passada em Natal participando de evento promovido pela Prefeitura. Arredio e tímido, nunca procurou expor seus trabalhos em Natal. Apesar da reclusão voluntária, produz e comercializa pinturas e tapeçarias, não raro atendendo "encomendas" de São Paulo, onde sua obra tem boas referências. Descoberto pelo escultor Guaraci Gabriel, chegou a participar de uma mostra coletiva organizada pelo amigo, em 1 999, na praia em que mora- e só.
   Irmão da governadora do Rio Grande do Sul, Yeda Crusius, e concunhado do Boni, o José Bonifácio de Oliveira Sobrinho, ex todo-poderoso diretor da rede Globo, com quem já trabalhou mas garante não ter tirado vantagens, Perci confessa sua inconpatibilidade com o que classifica como estrutura radical do capitalismo. Garante que sempre viveu da Arte, foi muito considerado pelo que fez, mas nunca compactuou com o sistema. Exilado no oásis que edificou no deserto de Santa Rita, recebe com frequências artistas locais, com quem compartilha uma visão privilegiada da cidade dos Reis Magos.
    A beleza das dunas é a amplidão que ela reflete, filosofa, dando a entender que extrai deste cenário os elementos oníricos que imprime em suas telas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário