segunda-feira, 13 de junho de 2011

poesias do balaio!

@**** 2003.2004

Convivem em paz
no meu balaio  
-gatos, ratos
e um livre papagaio.
--------------------------------- 


Eu bem que poderia viver lembrando as alegrias...
-mas...só?... 


-------------------------------
7-2004   l’adieu!

A borracha da Solidão corre apagando
no papel da Vida
os erros do passado.
Malas arrumadas para a viagem no advir...
a casa resta limpa e
vazia,
refletida num espelho partido...
... passos oscilantes vão marcando
o afastamento.
A Companheira (a Solidão) ajuda com a pouca bagagem  e
juntos, sem  nos voltarmos
para sempre  vamos...
----------------------

1- constatação



Sofrimento e Dor têm,
tão somente,
nas areias destas dunas,
o solo ideal para suas sementes.

------------------------------

2-escavação

Insiste o Prazer em inserir-se
pelas frestas dos escombros,
remediando as feridas provocadas pelos tombos acidentais
nas ruínas.
------------------------------

3-recaminho

Fantasiada de monstro,
finge que esconde
(a Monstruosidade)




as suas verdades... e goza, 
e se diverte
no carnaval das Mentiras.
---------------------------------------


Índigo perigo    24-7

Rima comigo o pecado
que não rima com recado
-mas não ligo!
Tampouco rima êste clima
escuro da Hipocrisia
-que me gela!
Não rima nada com nada,
beco- rumo-  rota- estrada
-mas não sigo!
Meus sonhos rimam contigo
que nunca rima comigo
-mas não digo!
-----------------------------------------

7-2004 memórias em Adriano

ás vezes em que te vejo e
nem  sempre   bem- te- vejo
mas , bem-te-vi por aí,  perdido nos teus desejos.
       -mil e um beijos,  ou melhor,  2004 !!!!...

---------------------------------------------
4-2004 para Fernando,o Ferré

Príncipe Negro encantado
reinando pelas areias das dunas e
nas ondas dos parrachos.
Peixe- gato voador,
devorador dos cambuís  e dos cajus.
Herdeiro feiticeiro de Áfricas e Grécias,
Jamaicas e Maranhões,
      - Voa,  Nativo,
no Dia dos Índios!
sagrado blackbird em boardflies,
       -vai, amor,
segue amando!
livre pelos ares,
singrando mares ... encantando... cantando...
amando ...amando,
indigo Indo-lindo  índio!...

                        

Um comentário: